domingo, 29 de janeiro de 2017

Quanto custa um intercâmbio para a Austrália?


Já fizemos um post sobre quanto custou nosso intercâmbio de 1 mês em Malta (clique AQUI caso não tenha visto) e muitos tópicos que abordei naquele texto se aplicam igualmente à Austrália bem como para qualquer outro país.
São eles: valor da passagem, curso, hospedagem e alimentação.
Contudo, a Austrália pede uma abordagem um pouco diferente, começando pela questão do visto por exemplo! Se você for ficar até 12 semanas não é necessário o visto de estudante, somente o de turismo (que também é pago). 
Caso opte por um período acima de 12 semanas, ai sim é necessário tirar o visto de estudante. Um custo a mais, já que em Malta não precisamos de visto pois nossa estadia foi inferior à 3 meses. 

A bela Sydney


O planejamento financeiro é essencial se você pretende estudar por um longo período na Austrália. E infelizmente, não é pouco dinheiro.
Mas por onde começar a calcular quanto vou gastar?
Antes de mais nada, reflita se você irá fazer todo o processo com a ajuda de uma agência de intercâmbio ou por conta própria. 

Vamos supor que você tenha decidido fazer sozinho, sem ajuda de um profissional da área.
O primeiro passo é escolher a escola que você quer estudar. Muitas horas de pesquisa serão necessárias pois não é fácil mesmo!  (faremos post sobre como escolher a melhor escola de acordo com cada perfil)
Mas por que eu tenho que escolher a escola primeiro?
Bem, no caso da Austrália, você não pode dar entrada no visto de estudante sem ter a matrícula feita na escola. Ou seja, você precisa ter esse passo concluído para dar andamento aos demais. Assim que tiver escolhido a escola, é necessário entrar em contato com a administração para efetuar o pagamento do curso. Após receberem seu pagamento, eles emitirão o CoE que nada mais é do que um "Comprovante de Matrícula".  Vamos colocar no nosso exemplo que o seu curso de 24 semanas + seguro obrigatório ficou 6.000 AUD, o que é uma média bem razoável pelo o que pesquisamos.
Com isso em mãos, chegou a hora de dar entrada no visto. (mais detalhes AQUI)
(Não vou me alongar na questão de documentação para o visto nem nada disso pois faremos um post só abordando este tema!)

Cairns na Austrália


MAS, atenção! Um dos requisitos obrigatório é a comprovação financeira que pode ser feita através de extrato bancário dos últimos 3 meses. No caso, vamos pensar que você quer fazer 6 meses de curso. O visto de estudante permite que o fique mais 1 mês de férias, ou seja, se você aplica para 6 meses de curso, o visto será de 7 meses. (mais informações AQUI)
Para cada mês de permanência, é necessário comprovar 1652,50 dólares australianos. (tem informação AQUI). Além disso, você terá que fechar um seguro obrigatório que muitas escolas já oferecem no pacote. 

Ou seja. Se meu visto for de 7 meses, será 1652,50 X 7= 11,567,50 dólares australianos. Em ienes isso dá cerca de ¥1.006.008,41.
Você precisa comprovar essa quantia mais o valor da sua passagem de volta (caso não tenha comprado ida e volta) por pelo menos 3 meses em conta. Sem mexer. Caso não tenha essa quantia, os pais ou irmãos poderão comprovar e servir como suporte financeiro, desde que tenham o valor e assinem um documento.

Estou fazendo um resumo BEM simples mesmo pois se fomos detalhar cada passo iria ficar um texto imenso! Esse post é só para dar uma pincelada bem superficial para ter uma noção dos gastos.

Melbourne, a cidade eleita pela Silvia


Mas quanto custa o visto? Atualmente (janeiro/2017) está saindo por 550 dólares australianos. (detalhes AQUI)
Após dar a entrada no visto, é necessário fazer um exame médico nas instituições credenciadas pelo governo australiano. Não sabemos quanto que está saindo este exame no Brasil ao certo, mas aqui no Japão a Silvia pagou 27 mil ienes. Além do valor do exame, coloque na conta também traduções de documentos como o Zairyu Card. Pelo menos 10 mil ienes será necessário para fazer um cálculo com folga.
Assim que o visto sair, é interessante reservar estadia por pelo menos 1 mês.  Você pode pedir para a sua escola organizar um homestay ou mesmo perguntar se eles não possuem residência estudantil. Mas não é barato. A opção que sempre escolhemos é o Airbnb! (informação AQUI). 
Os valores vão variar muito! Muito mesmo. Mas caso você opte pelo Airbnb, calcule pelo menos 150 mil ienes para 1 mês, pois a Austrália é um país caríssimo para se hospedar!

Visto na mão, reserva de hospedagem concluída, chegou a hora de comprar a passagem. Fizemos diversas pesquisas, você vai ter valores desde 50 mil ienes até o infinito. Tudo vai depender de fatores como data da viagem, quantidade de mala, empresa aérea, etc. 
Um bom valor para colocar na conta é de 100 mil ienes na minha opinião. Um valor com folga que caso sobre, é lucro! 

Agora chegou a hora de calcular quanto levar para passar as primeiras semanas! A Silvia certamente irá fazer um vídeo detalhando sobre o custo de vida por lá, quanto se gasta semanalmente e tudo mais, mas, nós calculamos levar cerca de 350 mil ienes (o casal, ou seja, 175 mil para cada) para os  2, 3 primeiros meses. Pelo menos para não passar apertado! Mas ai cada um calcula quanto acha necessário para seus gastos individuais.
*Atenção: esse cálculo está sendo baseado na idéia que você pretende trabalhar enquanto estuda. Para quem só vai estudar durante os 6 meses, ai o valor é bem maior pois terá que ter o dinheiro da acomodação e gastos com alimentação para todo período.

Resumindo os gastos para 6 meses de curso:

1- Escola + Seguro = 6,000 AUD = 530 mil ienes
2- Visto = 550 AUD = 48 mil ienes 
3- Exame médico = 27 mil ienes
4- 1 mês de hospedagem no Airbnb = 150 mil ienes
5- Passagem aérea = 100 mil ienes

Total = 855 mil ienes 

Valor em conta para comprovar = ¥1.006.008,41 (calcule um pouco a mais)

Média do valor parcial = ¥1.861.000,00

Acrescente a este valor o dinheiro para se alimentar, transporte (sugestão de pelo menos levar 175 mil ienes em dinheiro no mínimo) além dos valores de possíveis traduções de documentos e deslocamentos (ir até o hospital fazer o exame por exemplo).

*Atenção: caso decida fazer com agências de intercâmbio, o valor exigido poderá ser diferente

Acredito que um bom valor para se trabalhar seria em torno de ¥2.300.000,00. Claro, isso tudo vai depender de cada um! Dá para economizar na escolha da acomodação, na passagem aérea e no dinheiro para levar para passar os primeiros meses. Esse valor de ¥2.300.000,00 serve como uma base para se ter uma noção geral ao menos. 

Vale lembrar que após comprovar o dinheiro em conta e ter o visto em mãos, esse mesmo dinheiro pode ser usado para levar e pagar outras coisas.

Espero que tenha ficado mais claro o ponto de partida quanto à valores! Nos próximos posts iremos abordar melhor sobre documentação, escola, acomodação e muito mais!
Um beijo,

Amanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Deixe seu comentário, críticas ou sugestões para nós! É muito importante saber sua opinião!!
Muito obrigada por sua visita!